Empresa

Empresa

A Killing é uma indústria química com 55 anos de história em colagem e pintura, sempre trabalhando no desenvolvimento de soluções para simplificar a vida de quem usa os seus produtos.

É uma das líderes no segmento de adesivos na América Latina, líder absoluta na linha de adesivos para calçados no Brasil e está entre as dez maiores fabricantes de tintas do país. Destaca-se pela sua visão diferenciada e empreendedora, focada no relacionamento próximo e confiável com os seus clientes, parceiros e fornecedores.

Produto

História

1962

Início de uma trajetória de sucesso e dedicação: em 1962, nascia a empresa de tintas para calçados e couros Tintas Killing. Desde o início, o foco da empresa foi sempre na melhor qualidade e no melhor atendimento das necessidades dos seus clientes.

1970

A evolução continua. Um ano após transformar-se em capital fechado, a empresa amplia a sua linha de atuação e produção. A partir de agora, a Tintas Killing passará também a produzir adesivos para calçados.

1997

O que antes era um projeto, agora é a mais pura realidade. Visando fortalecer ainda mais a sua marca e a sua produção, a Tintas Killing inaugura fábrica de adesivos em Pacatuba, no Ceará.

2001

Buscando otimizar seus serviços e administração, a Tintas Killing dá início ao processo de Governança Corporativa.

2006

O comando mudou, mas a dedicação e o crescimento da empresa não. Após 4 anos da mudança, a Tintas Killing dá mais um grande passo na sua história. Agora, a cidade de Simões Filho, na Bahia, também conta com a fábrica de adesivos da empresa.

2014

Com a conexão do Trensurb até Novo Hamburgo, uma das estações que fica em frente à matriz da empresa passa a se chamar estação Tintas Killing.

2017

Inauguração da Planta Produtiva do Paraná.

1969

Após 7 anos da sua fundação, a Tintas Killing transforma-se em S.A. (Capital Fechado) e passou a ser chamada de Tintas Killing S.A. devido ao seu trabalho árduo e constante, sempre voltado à qualidade de seus produtos.

1972

No ano em que completa uma década de atuação, a Tintas Killing dá um importante passo na sua história: a aquisição da empresa Tintas Tucano (tintas imobiliárias, metal-mecânica e moveleira) expandiu ainda mais a Tintas Killing para o mercado nacional.

2000

Qualquer organização gostaria de melhorar a forma na qual opera. E é assim que a Tintas Killing recebe a certificação ISO 9001, o que confirma e reafirma a estrutura de qualidade da empresa.

2002

Após 40 anos à frente da empresa e principal responsável pelo seu sucesso, o fundador, Leopoldo Celestino Killing, passa para seus sucessores da segunda geração o comando da empresa (Holding Kielos).

2012

No ano em que a empresa completa seus 50 anos, outra atividade também marcou essa data. A Tintas Killing ampliou horizontes e fundou uma fábrica de adesivos na Argentina.

2015

Começa a operação da Unidade de Negócio no México - Kisafix México.

Visão

Consolidar a posição de empresa diferenciada, competitiva e rentável, em produtos e serviços de pintura e colagem, atuando em nichos, desenvolvendo tecnologias e produtos ecologicamente adequados.

Mais

Killing em números

o portifólio é de aproximadamente

itens entre tintas, vernizes, massas, texturas, adesivos, solventes, aditivos e produtos complementares.

certificada com o iso

9001

Produção
Mensal L

entre os primeiros

na fabricação de adesivos para indústria calçadista na América Latina.

Entre os

Maiores fabricantes de tinta

mais de

Colaboradores

maior

exportadora de adesivos do país

Gestão Familiar Profissionalizada

Observando as melhores práticas de governança corporativa.

4 Plantas Fabris

  • NOVO HAMBURGO - Rio Grande do Sul
  • SIMÕES FILHOS - Bahia
  • PARANÁ - Curitiba
  • BUENOS AIRES - Argentina

1 Escritório

  • MÉXICO - Municipio de León

Unidades de Negócio

  • ADESIVOS
  • TINTAS INDUSTRIAIS
  • TINTAS IMOBILIÁRIAS
sinerconsult

A Tintas Killing migrou para o mercado livre em maio de 2016, recebendo o certificado da COMERC-SINERCONSULT, comprovando que consome energia de fontes renováveis, colaborando para reduzir as emissões de gases poluentes na atmosfera. Desde então tem sido contabilizada a seguinte redução de poluentes:

2016
144,352 tCO2eq

2017
250,541 tCO2eq

TOTAL
394,893 tCO2eq

* tCO2eq = toneladas de dióxido de carbono equivalentes.